[Crítica] Lion: Uma Jornada Para Casa

Lion_(2016_film)

Uma incrível jornada de um garoto em busca de suas origens.

O filme é uma adaptação do livro ”A Long Way Home” Uma autobiografia de Saroo Brierley, quem também ajudou a escrever a adaptação para o cinema. Conta a história de Saroo Brierley, um garoto de 5 anos que vivia na cidade de Khandwa, Índia, que foi acidentalmente separado de sua família após entrar em um trêm e somente conseguir sair após dois dias de viagem. Após ficar perdido ele é levado para um internato e logo em seguida adotado por uma família da austrália, onde passa a viver até seus 25 anos. Intrigado por não saber o que aconteceu com sua mãe e irmão, Saroo descobre que poderia pesquisar e talvez encontrar sua cidade natal pelo Google Earth.

O filme é emocionante, muito bem dirigido pelo estrante em longa metragem Garth Davis e ajuda as pessoas a acreditar que qualquer coisa é possível, basta dedicação. Como demonstra no filme, Saroo fica quase louco pelo fato de ser quase impossível encontrar sua família, mas não desiste. Serve muito de lição! Filmes assim, sempre são meus favoritos, onde eu saio do cinema ofegante e com uma sensação boa, sem contar as lágrimas.

Que elenco!

Dav Patel que fez sua fama no filme ”Quem quer ser milionário” interpreta Saroo quando mais velho, sempre achei que esse rapaz iria muito longe, mas quando você ver o pequeno Saroo, interpretado por Sunny Pawar, vai pensar que está assistindo a um menino de rua, que nem sabia que estava sendo filmado. Esse garoto é incrível! Eu não lembro de assistir a uma interpretação tão crível de uma criança. Você sente vontade de levar ele pra casa e adotá-lo.

Sunny é um jovem ator indiano que foi selecionado entre duas mil crianças para o elenco de Lion. Por não falar quase nada de inglês, o diretor geralmente se comunicava com ele por gestos e isso tornou as sequencias de filmagem bastante cansativas para ambos, mas o resultado ficou excelente.

O elenco também conta com a presença de Nicole Kidman que interpreta a mãe adotiva de Saroo, David Wenham, seu pai e Rooney Mara como sua namorada. Roney Mara geralmente aparece em filmes desse gênero. A atriz é ativista social e fundou uma instituição de caridade chamada ”Faces of Kibera” na qual fornece alimento para crianças pobres do kibera.

Vale a pena assistir a esse filme, pois ele lhe trás esperanças e ajuda na força de vontade.

Nota 9.0

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s