[Crítica] Power Rangers

exclusive-final-power-rangers-poster-zords

É hora de morfar!

Todos os dias eu ficava na frente da televisão esperando a hora de começar Power Rangers. Era diferente pois não era desenho animado e me fazia lembrar de Jaspion e Change Man. Os efeitos toscos de explosões, maquetes mal feitas e movimentos não tão bem ensaiados não me incomodavam, pois o enredo era tão bom que deixava tudo tolerável. Eu tinha todos os bonecos e alguns dos Zords e eu achava aquilo incrível. Quando soube da notícia de que um reboot de Power Rangers estava pra acontecer e que o diretor seria Dean Israelite, mesmo diretor de Projeto Almanaque, eu joguei todas as minhas fichas nele. A cada notícia eu ficava mais empolgado e o medo ficava cada vez maior, pois não queria que a minha infância fosse assombrada por mais um reboot horrível tipo As Caça Fantasmas.  Pois bem, vamos então falar do filme.

O filme se passa nos dias de hoje, onde temos smartphones, internet e jovens com problemas, isso já conta no trailer. Cada um dos cinco novos Rangers tem seus problemas pessoas e isso faz com que eles acabem se encontrando. Não vou contar o motivo, lógico!

O roteiro é bem escrito, tem seus pequenos furos que as vezes incomodam, como por exemplo deixar de contar algumas coisas que acontecem. Não quero dar Spoilers, mas esqueceram de contar várias coisas, como por exemplo o motivo de um dos jovens procurar pelos morfadores. O roteiro consegue agradar os fãs de carteirinha e até quem nunca ouviu falar da franquia, pois existe um começo, meio e fim. A evolução de cada personagem é bem construída, faz com que você se apegue a quase todos eles, pois cada um tem seu carisma, seu brilho e seu motivo.

Os efeitos visuais estão sim legais, pois pessoas haviam reclamado do CGI dos trailers, mas não vi nenhuma diferença com os filmes grandes como Transformers. Os trajes são sensacionais, são diferentes e muito coloridos, tem um formato diferenciado que no filme você entenderá.

Elizabeth Banks como Rita Repulsa. Confesso que nos trailers ela não me convencia muito. Achei que seria uma vilã tosca como é inclusive na franquia original, mas eu fui totalmente surpreendido pela sua interpretação. Rita Repulsa é realmente pura maldade, assustadora. Faltou somente explicar um pouco mais dos motivos da sua ambição. Ela simplesmente quer destruir a terra.

Bryan Cranston como Zordon também ficou muito legal. Nos trailers sua voz não é tão robótica como no filme, prefiro o resultado final mesmo. Zordon não é mais simplesmente aquele rosto que fala todo distorcido e que tem frases curtas quase sem sentido. Hoje ele tem personalidade, vida e é muito difícil de lidar. Vocês vão ficar surpresos com ele. O pepel de Bryan Cranston é mais ou menos uma homenagem, pois sabemos que antes de ser famoso ele trabalhava no seriado original dublando alguns dos monstros. inclusive Billy Cranston é sem dúvida uma homenagem a Bryan.

A trilha sonora pecou um pouco. A falta de identidade na música me incomodou um pouco, visto que o seriado dos ano 90 era muito famoso pela sua musica tema, que no filme faz uma homenagem por 5 segundos.

A única coisa que gostaria que fosse diferente é, mais cenas de ação, mas até acredito que ficou mais na história pelo fato de termos continuações. Não quero comentar sobre cada um dos Rangers, você vai ter que assistir o filme e depois pode me contar nos comentários sobre o que achou do filme. No meu ver é sensacional e empolgante, saí do cinema alegre como quando assisti Kingsman.

Power Rangers é eletrizante, emocionante e divertido, me fez voltar a infância por alguns momentos. Obrigado cinema por me proporcionar essas sensações.

Nota 8.5

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s